quinta-feira, 22 de junho de 2017

Bianca e Rúbia as Mestras da Robótica, 3º. desenho.

Pois então, seguindo a sugestão de um amigo desenhista, elas agora têm um robô como ajudante: Roboniro!

A história das duas começa em, como já se sabe, Os Circuitos de Andreia Androida 1 – As Mestras da Robótica Entram em Ação! Bianca Moreno da União e Rúbia Loureiro da Silva, de 34 e 33 anos, respectivamente, trabalham honestamente como sendo engenheiras robóticas. Até que, em dado momento, elas decidem largar a vida honesta, porque, para elas, isso já não está mais dando futuro e lucro. Sua primeira atividade criminosa será eliminar a assistente de laboratório e super-heroína Andreia Androida Siqueira, membro da equipe de heróis tradicionais os Companheiros de Honra, já que elas consideram e estimam que Andreia é uma verdadeira ameaça a sua brilhante carreira como supervilãs.

Andreia está trabalhando dentro do laboratório de seu pai e projetor, o cientista-inventor e professor universitário Professor Aluísio Siqueira na ausência dele. É quando ela recebe um falso chamado de alerta vindo de Bianca e Rúbia, sem nem sequer desconfiar que está sendo isca de uma armadilha. Depois disso, a médica veterinária Maria Camargo, conhecida também como a super-heroína a Sem Classe vem visitar o laboratório. Ela encontra a porta aberta e descobre que não há ninguém presente no local. E como ela sabe que o Professor Siqueira está dando aulas naquele momento, ela deduz que aconteceu alguma coisa a Andreia, que deveria estar no laboratório. Depois disso, Andreia Androida e a Sem Classe deverão se unir contra as malvadezas e travessuras de Bianca e Rúbia as Mestras da Robótica.

A propósito: na semana passada, desentendi-me com uma desenhista, que veio afirmar que nós, homens, somos todos iguais! Quero pedir para que, por favor, mais ninguém faça esse tipo de generalização, já que as pessoas são diferentes e livres!

Achei que ela e eu poderíamos ser amigos, uma pena que ela foi incapaz de dialogar com alguém como eu!

Se bem que eu mesmo não fiz nada contra essa pessoa: foi ela quem me levou a mal a troco de nada, e, ainda, veio achar que eu estava de infâmia ao me desculpar por lhe causar discórdia e equívoco!

Foi igual quando uma ex-usuária do Yahoo! Respostas perguntou bem o seguinte:

"Mulheres, me respondam:?

1º.: Por que a maioria dos homens são falsos, mentirosos e canalhas?

2º.: Por que alguns são mentirosos?

3º.: Por que eles acham que podem, mas, na verdade, eles não passam de um zero à esquerda?".

Foi nisso que dois amigos meus, ambos ateus responderam, cada qual, das seguintes formas, cada um esbanjando inteiras e totais competência e eficiência:

"Você acha isso porque é mal-amada. Por favor, não generalize, pois eu posso generalizar também e você não vai gostar. Procure escolher melhor seus namorados."

"Certamente, você só comunica com pseudo-homens e de baixo nível. Tente evoluir, evoluir muito até conseguir comunicar com verdadeiros homens e não voltar a dizer o que disse.".

Gente, muitos de vocês andaram se inscrevendo em meu novo canal do YouTube... Agradeço bastante, mas ainda não identifiquei vocês todos...

O link do canal do YouTube consta nos créditos do vídeo no link do blog do Blogger: http://saviochristi3.blogspot.com/2017/04/as-versoes-pos-finais-dos-roteiros-para.html

Quem utiliza um nome bem diferente no YouTube do que no Blogger, por favor, envie-me uma mensagem privada pelo YouTube, que será para eu saber que se tratam exatamente da mesma pessoa!

A propósito: perguntarei a meus amigos se eles têm como virem aqui em casa neste fim de semana, só que eles já confirmaram virem aqui até o final do mês, beleza?

Bianca e Rúbia as Mestras da Robótica, 2º. desenho.

Bianca Moreno da União e Rúbia Loureiro da Silva, de, respectivamente, 34 anos e 33 anos são, como já comentei no desenho anterior, as arqui-inimigas de Andreia Androida Siqueira na série de quadrinhos Os Circuitos de Andreia Androida (derivada da também série de quadrinhos Os Companheiros de Honra e do livro Capitão Honorável o Super-Herói – As Aventuras de Um Super-Herói Show de Bola, e, assim como estes, está diretamente relacionada à ainda série de quadrinhos Demétrio Doidão o Derramador). Elas também aparecem em dois livros: O Quarteto em Sintonia – As Aventuras das Musicistas Continuam e Os Rodrigues e os Rocha – Duas Famílias Fora do Normal, sendo o primeiro sequência de um livro mais antigo, O Quarteto Musical – As Aventuras de Quatro Musicistas.

Abaixo, vão, de novo, as sinopses das três primeiras edições, que sairão uma de cada vez, sendo que a terceira deverá sair só no ano que vem:

Sinopse (Os Circuitos de Andreia Androida 1 – As Mestras da Robótica Entram em Ação!): Andreia Androida, filha e projétil do Professor Siqueira, da equipe de heróis tradicionais os Companheiros de Honra (formada pelo Capitão Honorável, o Rinoceronte-Branco, Fredo Álvares, Andreia Androida, Professor Siqueira, a Sem Classe, Mister Bog III, Andri de Vênus e Carlos o Leão de Honra) e sua colega de equipe, a Sem Classe deverão lutar contra duas novas ameaças: Bianca e Rúbia as Mestras da Robótica, que desejam acabar de vez com Andreia! Andreia Androida e Professor Siqueira são duas criações originais de Luciano Nascimento da Silva, ideias e nomes originais parciais, Macaíba Fontes, conceito, Felipe Tavares, conceito e Sávio Christi, nomes originais parciais e produto final. A Sem Classe é uma criação original de Sávio Christi, ideia original, codinome e produto final e Joan Morais de Figueredo, nome civil. Os Circuitos de Andreia Androida é uma criação de Sávio Christi, ideia original e produto final e Luiz Felipe Oliveira Champloni, título.

Sinopse (Os Circuitos de Andreia Androida 2 – O Terrorismo Parental!): A assistente de laboratório Andreia Androida continua combatendo o crime nas horas vagas. Quando seu pai, o Professor Siqueira é sequestrado pelo Grupo de Terroristas, cabe a sua colega de equipe, a Sem Classe e ela própria salvarem-no! Andreia Androida e Professor Siqueira são duas criações originais de Luciano Nascimento da Silva, ideias e nomes originais parciais, Macaíba Fontes, conceito, Felipe Tavares, conceito e Sávio Christi, nomes originais parciais e produto final. A Sem Classe é uma criação original de Sávio Christi, ideia original, codinome e produto final e Joan Morais de Figueredo, nome civil. Os Circuitos de Andreia Androida é uma criação de Sávio Christi, ideia original e produto final e Luiz Felipe Oliveira Champloni, título.

Sinopse (Os Circuitos de Andreia Androida 3 – O Problema de Mau Funcionamento!): Um problema de mau funcionamento em Andreia Androida Siqueira faz com que seu pai, Aluísio Siqueira / Professor Siqueira precise pedir ajuda a Nataniel Grimpel / Doutor Grimpel, um dos principais vilões dos Companheiros de Honra! Andreia Androida e Professor Siqueira são duas criações originais de Luciano Nascimento da Silva, ideias e nomes originais parciais, Macaíba Fontes, conceito, Felipe Tavares, conceito e Sávio Christi, nomes originais parciais e produto final. A Sem Classe é uma criação original de Sávio Christi, ideia original, codinome e produto final e Joan Morais de Figueredo, nome civil. Os Circuitos de Andreia Androida é uma criação de Sávio Christi, ideia original e produto final e Luiz Felipe Oliveira Champloni, título.

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Não Importa de Onde Vêm os Elogios, Mas Sim que Eles Vêm de Algum Modo e em Algum Momento!

Não Importa de Onde Vêm os Elogios, Mas Sim que Eles Vêm de Algum Modo e em Algum Momento!, Parte 1 de 2.

Bom, no começo, eu tinha muita dificuldade em fazer amizade com garotas e mulheres... Ainda mais com essa coisa toda do politicamente correto, onde pessoas abordam pessoas na rua para fingir que querem pedir informações ou puxar assuntos, quando são, na realidade, assaltantes e paqueradores.

Eu, obviamente, não me encaixo em nenhum dos dois grupos, mas como explicar isso a alguém que só quer se garantir e reforçar? Se bem que eu, realmente, não tenho que querer nada com essas pessoas, nem elas têm que querer nada comigo.

E eu também não vim aqui elogiar a mim mesmo, nem criticar ou reclamar de quem ou do que quer que seja: continuem lendo e verão que este artigo não é o que parece ser, só que sim algo muito mais em conta.

Muitos de vocês já devem ter visto que, recentemente, andei fazendo uma série de desenhos sobre uma banda musical que se chama as Descoladas, baseada em três ex-alunas da Escola Monteiro Lobato CEMS: a Beatriz, a Maria Clara e a Michelly, que foram duas séries abaixo da minha e da mesma sala mutuamente. A Beatriz é a melhor amiga da Maria Clara e a Maria Clara é a prima da Michelly.

Em suas contrapartes em desenho e literatura (elas já são personagens de dois livros, os já anunciados Os Torres 1 – Uma Família Bem Habitual e Os Torres 2 – A Família em Novas Confusões, ambos ainda trancados, só que sairão de vez a qualquer instante), a Beatriz é a vocalista e violonista, a Maria Clara é a baterista e a Michelly é a triangulista. A primeira também é a melhor amiga da segunda e a segunda também é a prima da terceira, seguindo os perfis das originais.

Não Importa de Onde Vêm os Elogios, Mas Sim que Eles Vêm de Algum Modo e em Algum Momento!, Parte 2 de 2.

Já havia feito previamente uma série de desenhos das três como pessoas reais, pelo que elas todas me agradeceram, aplaudiram, elogiaram e parabenizaram bastante pela arte, e, claro, pelo talento. Detalhe que as adicionei ao Facebook sem sequer já haver dialogado com elas pessoalmente, simplesmente disse quem era e de onde as conhecia.

O nome da banda, as Descoladas surgiu de maneira bem-humorada e brincalhona, onde fundi o prefixo des ou de e o adjetivo escoladas, indicando que elas são aquelas que estão fora do horário normal da escola. Certamente que ninguém é obrigado (a) a interpretar dessa forma, mas a escolha do nome foi bem curiosa, diferente e interessante para todos os efeitos.

Uma pena que nenhuma das três esteja morando mais por aqui em Vitória, Espírito Santo... Até pensei em perguntar a elas se aceitam tomar um café comigo caso estejam de volta (ainda que temporariamente, assim como, por exemplo, a turismo), só que parece que ficará bem estranho, já que, realmente, não sou tão amigo de nenhuma das três quanto já são amigas mutuamente.

Conheço gente que não adiciona quem não é muito amigo mesmo, mas não sei o que isso possui a ver na realidade: pessoas que já conheço pessoalmente faz mais de dez anos e com quem sempre tive maiores e melhores interações e entrosamentos passaram a me cortar fora, sendo que nada fiz a elas.


Isso também não é nenhuma queixa de minha parte: apenas quero ilustrar a realidade por meio de fatos cientificamente explicáveis. Ninguém é forçado (a) a ser amigo (a) de ninguém, do mesmo jeito que, igualmente, ninguém é forçado (a) a fingir que quer a amizade de ninguém. Quanto a mim, sou eu próprio, filho da natureza e com minhas complexidades e essências. Se a Beatriz, a Maria Clara e a Michelly me aceitaram e continuam me aceitando como seu amigo sem saberem nada a meu respeito, é sinal de que a humanidade não está perdida. Além disso, se elas acham meus desenhos bem legais, certamente que não tenho porque negar ou recusar o que me dizem.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Atualizadas as postagens dos livros Os Torres 1 – Uma Família Bem Habitual e Os Torres 2 – A Família em Novas Confusões (março de 2017) com as informações adicionais atualizadas.

Leiam bem aqui: http://saviochristi3.blogspot.com/2017/04/livro-os-torres-1-uma-familia-bem.html e http://saviochristi3.blogspot.com/2017/04/livro-os-torres-2-familia-em-novas.html!

Estou lutando e batalhando para os livros saírem de vez, tomara que isso dê certo nesta semana!


Por enquanto, continuem esperando e vamos que vamos nessa!

Atualizada a postagem mais recente com meu currículo e histórico multimídia e informações relacionadas.

Leiam bem aqui: http://saviochristi3.blogspot.com/2017/06/meu-curriculo-e-historico-como-artista.html!

Amigos, andei atualizando os roteiros de meus vídeos, que serão filmados até o final do mês... Leiam mais e me digam o que acham agora:

http://saviochristi3.blogspot.com/2017/04/as-versoes-pos-finais-dos-roteiros-para.html.

Nos créditos, está o link de meu canal, caso queiram, inscrevam-se!


A propósito, se quiserem que eu também me inscreva em seus canais, deixem-me os links ou nomes deles, está bom assim?