terça-feira, 25 de abril de 2017

O Universo Compartilhado dos Amigos do Universo.

Como vocês já devem saber, os Amigos do Universo surgiram no ano de 2003, quando iniciei a série original, cujo título é, justamente, os Amigos do Universo.

No mesmo ano, surgiram Tião Cometa e Asteroide, mas eles ainda não haviam estreado em nenhuma história, somente em meados da série Um Conto dos Amigos do Universo, do ano de 2007 foi que eles estrearam. Eu na verdade planejei a estreia deles no piloto da própria série, Tião Cometa e Asteroide – A Aposta Lotérica, só que comecei produzindo essa edição e ela sumiu dentro de casa e desanimei a recomeçá–la. Somente no ano de 2011 que estreou a série Tião Cometa e Asteroide, logo após a estreia da série Os Detetives Espaciais, sendo que eles também já estrearam a própria edição especial, Tião Cometa e Asteroide – Em Busca da Galáxia Ecológica.

Nesse meio tempo, o Ciber-Soldado, criação minha de 2008 estreou a própria série no ano de 2010, O Ciber-Soldado realmente, mesmo ano em que estreou a série A Princesa Astral. Havia criado o Ciber-Soldado apenas para homenagear o Rambo e RoboCop, mas vi que o pessoal já estava gostando bastante dele e eu então o transportei para meus quadrinhos. Desde a edição especial Os Amigos do Universo e o Ciber-Soldado – A 3°. Guerra Espacial que a série O Ciber-Soldado passou a ser considerada subsérie dos Amigos do Universo. Ele também estrelaria a edição especial O Ciber-Soldado – Que a Força Esteja em Suas Mãos!, só que ela foi para a lixeira por engano.

A última série dependente dos Amigos do Universo foi Os Defensores Espaciais, cujo piloto é Os Defensores Espaciais – Uma Invasão Alienígena Bem Sinistra, que estreou no ano de 2017, um ano após ter estreado a série Arigatô aos Amigos do Universo (em estilo mangá) e no mesmo ano em que estreou a série Olá aos Amigos do Universo (um reboot da franquia, com textos e desenhos renovados). A ideia surgiu em 2009, só que por motivos pessoais, o projeto foi inteiramente e totalmente adiado, até tomar forma em caráter conclusivo, decisivo e definitivo. Enredo não relacionado aos filmes Os Sete Samurais e Sete Homens e Um Destino.


Também fazem parte do Universo Compartilhado dos Amigos do Universo a galeria de personagens dos Amigos do Universo (do ano de 2003 e em duas versões diferentes: Os Amigos do Universo – Galeria de Personagens – Versão 1.0 e Os Amigos do Universo – Galeria de Personagens – Versão 2.0), as edições especiais dos Amigos do Universo (desde 2008, a par das numerações regulares e com temas bem variados), o livro baseado nas primeiras quatro séries dos Amigos do Universo (do ano de 2016, Os Corajosos Amigos do Universo – Uma Equipe de Heróis para Lá de Especiais) e os spin–offs dos Amigos do Universo (de 2017, Senhor Lunes – Ampliando os Negócios até que Ponto?, Vagaroso e Vagalume e Ingrid Matiello – Um Espetáculo à Flor da Pele!, Edição 1 de 2, Vagaroso e Vagalume e Ingrid Matiello – Um Espetáculo à Flor da Pele, Edição 2 de 2 e Vagaroso e Vagalume e Ingrid Matiello – Aventuras Além do Espaço (Empresários em Guerra, Cosmolina, Rúbia e Keila Fora de Si e O Sucesso na Terra Inversa), sendo o empresário e comerciante Senhor Lunes e a dupla musical Vagaroso e Vagalume personagens dos Amigos do Universo e a atriz e cantora Ingrid Matiello personagem do Ciber-Soldado).

Nenhum comentário:

Postar um comentário