terça-feira, 16 de maio de 2017

Livro O Lutador Joca 'Rateca – A História de Um Lutador Bem Atípico (dezembro de 2012).

Capítulo O – Introdução.
•Joakimu "Joca" 'Rateca é um lutador que sonha em ser o maior, melhor e mais completo lutador de caratê que já existiu. Ele luta contra adversários, vilões e criaturas. Seu primeiro grande desafio é impedir que sua amada, a bela e meiga Miwa Kuki seja raptada por uma associação de terroristas, a qual recebe informações vindas de um misterioso informante.
Principais personagens:
Joakimu "Joca" 'Rateca: Um lutador de caratê que procura sempre se superar para cumprir seus objetivos. Ao final do livro, completa 28 anos.
Miwa Kuki: A antiga namorada do lutador Joca 'Rateca. Desaparece misteriosamente no meio da trama e desde então, seu grande amor fica obcecado em reencontrá-la. Ao final do livro, completa 25 anos.
Senhor e Senhora ‘Rateca: Os pais do lutador Joca 'Rateca. Ele trabalha em um escritório e ela trabalha fazendo tricô dentro de casa.
Personagens secundárias:
Vívian: Amiga de infância do lutador Joca ‘Rateca, é uma das que mais apoia  o protagonista durante toda a trama.
Adversários de Joca 'Rateca: Um grupo de lutadores de caratê profissionais. Estão sempre lutando contra o lutador Joca 'Rateca e na grande maioria das vezes, perdendo as lutas.
Cobras, jacarés e onças selvagens: Um grupo de animais selvagens, que, volta e meia, está no caminho do lutador Joca 'Rateca.
Urso selvagem: Um urso que escapa do zoológico.
Renata e Gabriela: Dupla musical religiosa muito famosa.
Shadow: Cantor religioso muito famoso.
Personagens terciárias:
Hislla, Juliana e Mariana: Conhecidas também como Penny, Pituca e Mariii em respectivo, eram antigas colegas de escola do lutador Joca 'Rateca. Mencionadas na trama algumas vezes.
Karina: Conhecida também como Kah, era uma antiga vizinha do lutador Joca 'Rateca. Mencionada na trama algumas vezes.
Prefeito de Amazonópolis: O responsável em manter a Prefeitura de Amazonópolis. Mencionado na história algumas vezes.
Doutora Vera: Conceituada pediatra. Aparece em uma única cena sem falas, e, depois, é mencionada algumas vezes.
Doutora Daniela: Conceituada psicóloga. Aparece em uma única cena sem falas, e, depois, é mencionada algumas vezes.
Doutor Edson: Conceituado psiquiatra. Aparece em uma única cena sem falas, e, depois, é mencionado algumas vezes.
Repórteres de TV da Rede Recorte: Um grupo de repórteres que está sempre atrás de novas notícias e que trabalha para uma grande emissora de televisão. Aparecem em variadas ocasiões durante toda a trama.
Joca 'Rateca de 70 anos: Vindo do futuro, o lutador de 70 anos surge no meio da trama para ajudar sua versão jovem.
Miwa Kuki de 67 anos: Aparece em um flashback do lutador de 70 anos e é mencionada pelo mesmo por duas vezes.
Filhos, netos e bisnetos de Joca 'Rateca: Mencionados pelo lutador de 70 anos.

Personagens convidadas:
Márcia Rainha Alva/Márcia a Prostituta: Uma garota de programa que não pega homens casados, nem se vangloria demais por sua beleza física. Mencionada como quem veio de outra realidade e fez sexo com o lutador Joca 'Rateca uma vez.
Simão “Si“ Bernético / O Ciber-Soldado: Um combatente metade militar e metade máquina. Sofreu um acidente irreparável em uma de suas missões, e, desde então, tornou-se metade máquina e teve sua memória totalmente apagada.
Joel Comar o Cineasta: Diretor de cinema que quer ser o n°. 1 em seu ramo, mas na grande maioria das vezes, só dirige porcarias. Aparece ao final como o diretor do filme “O Lutador Joca 'Rateca – A História de Um Herói Bem Atípico”.
Sávio Christi: Notório e variado desenhista, escritor, pintor, roteirista, compositor e poeta (geralmente) e escultor, montador e fotógrafo (ocasionalmente). Aparece ao final como um dos espectadores do filme “O Lutador Joca ‘Rateca – A História de Um Herói Atípico”.
Saggio Pistole o Pistoleiro: Um pistoleiro que utiliza uma pistola, uma corda e sua “Motoca” para capturar A Gangue dos Encrenqueiros e outros vilões e que namora uma moça chamada Antonia Terencia. Aparece como personagem de uma série de quadrinhos.
Joan Figo e Joan Mitchels: Conhecidos também como Joan & Joan simplesmente, são um típico casal urbano, sendo vítimas constantes de seu vizinho, Jean Mofi. Aparecem como personagens de uma série de quadrinhos.
Antonina Moretti e José Rodento: Conhecidos também como A Guria Nina e O Rato Zoca, são uma garota muito sapeca e seu rato de estimação. Possui um urso de pelúcia chamado Golias Tedo e pais chamados Jorival e Lourian, os quais não têm certeza sobre a real índole da filha. Aparecem como personagens de uma série de quadrinhos.
Personagens de outros autores:
Mariazinha: Uma poetisa mirim que faz da poesia sua rotina diária e que foi criada por Claudia Gomes e Fábio Turbay.
Augusto Oliveira/Jou Ventania: Um super-herói sombrio criado por Linc Nery. Mencionado na trama algumas vezes.
Bat-Mouse: Um morcego super-herói e que também foi criado por Linc Nery. Mencionado na trama algumas vezes.
Blenq: Um misterioso super-herói criado por Rod Gonzalez. Aparece uma única vez em toda a trama e depois, é mencionado algumas vezes.
Veredicto: Um emblemático super-herói criado por Edu Manzano. Mencionado na trama algumas vezes.

Vilões:
Misterioso Informante: Um vilão bastante discreto e reservado, tornando-se o responsável em encaminhar dados e informações à Associação de Terroristas.
Líder da Associação de Terroristas: O respeitado e temido líder da organização descrita logo mais abaixo.
Associação de Terroristas: Um grupo de terroristas responsável pelos mais diversos crimes, entre eles, o sequestro da bela e meiga Miwa Kuki, a antiga namorada do Lutador Joca ‘Rateca.

Sávio Christi, 06/12/2012.
 

















Capítulo I – Pescando Ilusões ou Sonhos?
Esta história começa há muitos e muitos anos. Ela poderia ser a história de um bom homem, que passou sua honrada e nobre vida trabalhando em um simples e humilde escritório... Mas não, ela fala sobre o filho deste homem, o qual ainda não era nascido. A história se inicia no dia 20 de Junho de 1978, em uma época em que ainda não se tinha muito acesso a qualquer tipo de tecnologia avançada.
"ESCRITÓRIO BOAS FINANÇAS"
"AI, AI! Que vida mais entediante e monótona esta que carrego! Eu quero muito poder crer que ainda ocorrerá algo fabuloso, incrível e maravilhoso!"-pensa um típico profissional de escritório.
"JORNAL A GAZELA – AMAZONÓPOLIS, 20 DE JUNHO DE 1978 – NOVA LEI DO CONGRESSO NACIONAL PREVÊ AUMENTO SALARIAL EM 60 % PARA OS DEPUTADOS, SENADORES E VEREADORES!"
"AH, mas tinha de ser coisa do Governo Federal mesmo! Eu estou neste escritório há muitos anos e não tenho meu salário reajustado há muito tempo... Eu deveria ter sido um ator, futebolista ou cantor, que é o que meu pai queria que eu fosse... Mas enfim: eu acabei me empregando nessa empresa, cujos outros funcionários e o patrão são todos extremamente hostis... O jeito que tem é eu seguir meu destino realmente, não é verdade?"
"18:00"-indica o relógio da parede.
"Bom, já está na hora de ir embora... E ainda bem que hoje é Sexta-Feira, porque hoje, eu quero ir ao baile da esquina para me divertir um pouco! Pena que só para variar, eu ainda não encontrei nenhum par..."
O homem sai do escritório, olhando para o chão.
"BUMP!"-o homem esbarra em alguém.
-EI, NÃO OLHA POR ONDE ANDA NÃO?-protesta o homem.
Em seguida, uma mulher (que foi em quem o homem esbarrou) faz uma cara de quem está triste e desapontada.
O homem então abre a boca e nada diz.

Capítulo II – Uma Companhia para o Baile...
-SEU BOBALHÃO! QUEM NÃO OLHA POR ONDE ANDA É VOCÊ, SABIA DISSO?
-CARAMBA! Eu nunca vi uma garota tão geniosa...
-Mais respeito comigo, eu nem conheço você!
-ER... Desculpe-me! Sabe que eu não levo muito jeito com garotas, compreende?
-Bem... Pelo tipo, você não leva jeito algum, não é mesmo?
-Escute... Às 20:00, haverá um baile lá naquela esquina ali na frente e eu estou sem companhia... Será que você não aceita ir comigo?
-Bom, eu não sei... Tenho muito trabalho, sabe?
-Em que você trabalha?
-Sou autônoma... Trabalho fazendo tricô para os outros e neste exato momento, ando bastante atarefada.
-Mas será que você não pode se divertir só um pouquinho de vez em quando?
A mulher sorri para o homem.
-AH, finalmente! Pela primeira vez, terei uma companhia para ir ao baile!
Mais tarde...
"CLUBE DE NATAÇÃO BRAÇOS FORTES"
-Bem, o local é este aqui! Só espero que você saiba dançar...
-É nesse ponto que você acaba de me pegar... Sou péssima nisso, entende?
-Pois quero tirar a prova, agora mesmo! Você topa?
A mulher balança a cabeça positivamente.
-Muito bem então, iremos lá agora!

Capítulo III – E Logo Depois do Baile...
Em seguida, os dois logo começam a dançar.
-Bom, até que você não é nada má dançando!-diz o homem.
-Grata, você também não!-replica a mulher, sem jeito.
-Escute, você quer ir comer lá na pizzaria do outro lado?
-Bem, pode ser...
"PIZZARIA DO ANTONIO"
-Mas então, eu trabalho no Escritório Boas Finanças. O emprego é bastante entediante e monótono, mas enfim: ele dá para o gasto, sabe?
-Sim, entendo...
Mais tarde...
-Tchau, até a próxima vez!-diz o homem, enquanto deixa a mulher em casa.
-Tchau também!-diz a mulher, acenando.
E o tempo vai passando, até se passar mais de um ano... Mais precisamente, até o dia 14 de Julho de 1979.
"DIM! DOM!"-o homem toca na casa da mulher.
-OLÁ, quem é?
-OI, sou eu!
-AH, sim, é você...
-Bom, será que posso entrar?
-ORA, mas é claro!
-Certo, grato!
-A que devo a honra e o prazer de sua visita?
-Bem, é que tenho segurado algo que tenho a lhe dizer...
-Entendi... E o que é?
-Bom, como é que eu explico?

Capítulo IV – Um Namoro Bem às Antigas...
-Não tenha medo, pode falar!
-Mas então... Será que você quer me namorar?
-AH, finalmente, você veio me pedir isso!
-Eu pensei que você não aceitaria...
-Pois pensou demais, sabia?
-Sim, eu sei...
"NOVA SENSAÇÃO – PARQUE DE DIVERSÕES"
-Será que você ainda encara a montanha russa?-indaga o homem.
-Sim, por que não?-responde a mulher, sorrindo.
-IIIIAAAAUUUU!!!!-gritam ambos, enquanto andam de montanha russa.
Muitos brinquedos mais tarde...
-Escute... Está passando no cinema o filme "Cabras e Pestes", você está a fim de assisti-lo?
-ORA, mas é claro que sim!
-ÔXENTI, cumpádi! Nóis temo que acabá de vez com essas praga asquerosa e nojenta, ocê num acha?
-Sim, é vredade... Mais ansim: por onde nóis começa memo?
O homem e a mulher então começam a se abraçar e beijar dentro do cinema.

Capítulo V – E Finalmente, o Lutador Nasce!
12 de Maio de 1982.
-Escute, querida... Por acaso, você não quer casar comigo?
-Olhe, querido... Querer, eu até quero! Mas assim: será que ainda não somos jovens demais?
-ORA, que nada! Meu pai se casou com menos idade do que eu até!
-Sim, mas naquele tempo, era mais comum os casais se casarem tão cedo e depois, eles iam morar na casa dos pais de um deles, não é verdade?
-Mas veja bem: se você e eu nos amamos tanto assim, por que não nos casamos logo?
-AH, eu quero aproveitar logo o final de minha juventude!
-Acontece que eu realmente não consigo parar de pensar em você, entende?
-Bom, está bem! Mas não quero um filho tão cedo, estamos de acordo?
-Sim, está certo!
E o homem e a mulher se casaram! Alguns anos mais tarde, mais precisamente, no dia 29 de Janeiro de 1985...
-Querido, é um menino!
-Nossa, mas que maravilha! Ele é a minha cara!
-Bem, que nome daremos a ele afinal?
-HUM, não sei... Eu pensei em chamá-lo de Joakimu, que, por sinal, era o nome de meu avô paterno...
-Eu não gosto desse nome, não sei por quê...
-E você por acaso tem ideia de um nome melhor para o garoto?
-Bem, acho que não, sabe?
-Pois então, por que não podemos chamá-lo de Joakimu?
-Bem, está certo! Colocaremos então o nome de Joakimu nele...
O homem sorri para a mulher.

Capítulo VI – Um Garoto que Quebra Tudo!
-IIIÁÁÁ!!!-grita Joakimu, enquanto parte um pedaço de uma tábua de madeira ao meio.
-Querido... Eu estou começando a ficar bastante preocupada com nosso filho, sabe?
-ORA, querida... Mas por que motivo?
-AH, eu não sei... Ele tem partido e quebrado coisas demais! Ontem mesmo, por exemplo, ele quebrou aquele vaso de porcelana importado, que seu pai nos deu de presente de casamento...
-Calma, conheço alguém que poderá ajudá-lo!
-E quem seria esse alguém?
-AH, uma amiga minha pediatra... Ela se chama Doutora Vera.
-HUM, não sei não...
-ORA, vá por mim!
-Pois bem, Doutora Vera! Nosso filho possui apenas 1 ano e 6 meses e há não muito tempo, começou a quebrar uma série de coisas em nossa casa, sabe?
-Sim, o que você acha que podemos fazer?
-Muito bem, a Doutora Vera nos indicou uma medicação para lá de duvidosa! Você está satisfeito?
-Querida, vamos com calma, olhe o respeito!
-Respeito... Pois sim!
-Espere que ele logo melhorará com esses novos remédios!
A mulher nada diz.

Capítulo VII – Uma Garota de Nome Vívian...
-Bem, querido! Nosso filho já completou 6 anos e temos de colocá-lo na escola! Em que escola você pensa em matriculá-lo?
-Bom, eu não sei, querida! Mas tenho uma amiga psicóloga, Doutora Daniela que poderá nos indicar um colégio legal!
-AI, AI! Essas suas amigas médicas e você, não é mesmo?
-Pois é, Doutora Daniela! O pequeno Joakimu já tem 6 anos de idade e minha esposa e eu temos de colocá-lo na escola! Você por acaso tem alguma sugestão?
-CENTRO EDUCACIONAL SÓCRATES? Mas nunca que eu colocarei nosso filho nessa escola!
-UÉ, querida, mas por que não?
-O diretor dessa escola é um judeu e além do mais, nunca ouvi ninguém falar bem desse colégio!
-Querida, por favor! Não seja radical e extremista...
-Bem, primeiro, foi aquela sua amiga pediatra, que nos passou uma medicação completamente estranha e de efeitos para lá de duvidosos! E agora, essa sua amiga psicóloga quer que ponhamos nosso garoto em uma escola esquisita como essa?
-Mas ele pode gostar de lá, o que você acha?
-HUM, não sei não!
"CENTRO EDUCACIONAL SÓCRATES"
"Mas que droga! Eu queria ficar em casa, vendo TV e jogando videogame! Essa tal de escola deve ser a maior porcaria!"-pensa o pequeno Joakimu.
-OI, tudo bem?-sorri uma garota loira e de olhos verdes.
-Quem é você?
-Meu nome é Vívian, e o seu?
-Joakimu 'Rateca... Mas meu avô paterno me chama de Joca.
-Bom, você pode me chamar de Vivi se quiser! Mas então, você está animado para o primeiro dia de aula?
-Não... Aqui não tem TV e nem videogame!
-E você acha que é só isso o que realmente importa na vida, é?
-Não... Eu também gosto de ir ao cinema, ao circo e ao parque de diversões, além de gostar de tomar sorvete!
-Mas aqui na escola, você poderá aprender muitas coisas e até fazer novos amigos...
-E para que servem amigos?
-AH, eu não sei, sabe? Minha mãe sempre me disse que os amigos servem para nos fazer companhia e nos amparar nas horas difíceis!
-Pois a minha me disse que os amigos somem quando mais precisamos de ajuda!
-Acho que você está muito mal impressionado, isso sim, sabia?
O pequeno Joakimu faz uma cara fechada e nada diz a respeito.

Capítulo VIII – O Aniversário de 8 Anos...
-Bem, querida! Daqui a três dias, será o aniversário de 8 anos do pequeno Joakimu!
-Olhe aqui! Se for como no ano passado, em que vieram dezenas de esfomeados e ninguém sequer se lembrou de trazer os presentes, eu prefiro nem fazer nada, está sabendo?
-Mas querida... Você não está exagerando?
-CLARO QUE NÃO!
-Mas você espera demais das pessoas, já parou para pensar nisso?
-Você é quem não enxerga as pessoas direito... Falando nisso, temos de levar nosso filho para uma consulta com aquele seu amigo psiquiatra, Doutor Edson... E por sinal, nem sei por que ainda confio nesses seus amigos médicos, sabe?
-Pois é, Doutor Edson! O pequeno Joakimu anda hiperativo demais nos últimos meses! Minha esposa e eu ainda não sabemos o que se passa com ele... Será que você ainda poderá nos dar um parecer oficial a respeito?
-Não acredito que ele disse que nosso filho é autista, quem ele pensa que é afinal?
-Mas querida, ele estudou durante anos e...
-NÃO QUERO NEM SABER! Da próxima vez, eu escolho os médicos de nosso filho, entendeu bem?
O homem nada diz.
3 dias depois...
♪-Parabéns para você,
Nesta data querida!
Muito bolo estragado,
Muita dor de barriga
Parabéns para você,
Eu só vim para comer!
O presente que é bom,
Esqueci-me de trazer!♫
"FUUU!!!"-o pequeno Joakimu sopra as velas.
"PLAC! PLAC! PLAC!"
-Feliz aniversário, Joca!-cumprimenta Vívian, logo antes de dar um beijo no rosto do garoto.
-Querido, você não acha que a Vívian poderá ser uma bela garota algum dia e depois disso, desposar nosso Joakimu?
-AH, querida, não comece, vá, por favor!
-Mas o que há de errado com essa minha ideia?
-Sabe... Acho melhor eu não responder, porque você não gostará nem um pouco de minha resposta, você pode ter total certeza disso!

Capítulo IX – Joakimu e a Colônia de Férias...
-Nem acredito que nosso rapazinho de 12 anos de idade irá para sua primeira colônia de férias!-exclama a mãe, toda orgulhosa.
-Bom, eu nunca fui a nenhuma colônia de férias quando era rapazinho e nem por isso, fui menos feliz, sabia?-questiona o pai, todo ranzinza.
"COLÔNIA DE FÉRIAS JARDIM AMIGO"
"Colônia de férias... ORA, pois, já não bastava a escola?"
-Tchau, garotão!-despede-se o pai.
-Cuide-se, meu bem!-despede-se a mãe.
-Tchau, pai e mãe!-responde o garoto, ainda um tanto desanimado.
-Que carinha triste é essa, Joca?-indaga Vívian.
-AH, não sei... Eu estou perdendo uma maratona inteira de desenhos animados só para vir a essa droga de local, veja bem isso!
-AH, mas na colônia de férias, visitaremos museus, parques e praças, além de podermos tomar um banho de cachoeira!
-Vívian, você sabe muito bem que eu não gosto dessas coisas chatas, enfadonhas e entediantes!
-EI, mas o banho de cachoeira é uma delícia!
-Água gelada? Ficou maluca?
-ORA, mas o que é que tem?
-Eu não tenho a resposta para esta pergunta!
Uma semana mais tarde...
E então, filho?-indaga o pai.
-Como foi a colônia de férias?-indaga a mãe.
-AH, não foi nada de especial!
Os pais fazem uma cara bastante preocupada.

Capítulo X – A Primeira Grande Experiência com o Caratê!
"GOLPE DURO E DIRETO – ACADEMIA DE CARATÊ"
-Bom, querida! Agora que nosso rapaz já tem 15 anos de idade, acredito que seja a hora de ele desenvolver o físico e a mente com algum tipo de atividade, como o caratê, por exemplo.
-Esse esporte selvagem e violento?
-Querida, por gentileza! Não estamos falando do boxe, sabia disso?
-AH, para mim, é tudo a mesma coisa!
-Vamos deixá-lo fazer uma aula experimental... Se ele gostar, ele fica, o que você acha?
-AH, está bem, tudo bem, vá!
-OI, Joca!-sorri Vívian.
-OI, Vívian! Seus pais também a obrigaram a vir para cá?
-AH, não, não... Eu vim porque quis, meu pai me disse que o caratê é excelente para a gente poder se acalmar e relaxar, sabe?
-Pois eu ainda preferia estar vendo o novo desenho da Pantera Cor-de-Burro-Quando-Foge!
-Bem, a aula já irá começar... Eu tenho de achar minha adversária, ótima sorte para você!
O jovem Joakimu faz uma cara emburrada e fechada e cruza os braços.
-Bom, agora, somos só você e eu... Certo?-indaga um jovem a Joakimu.
-Pode até ser... Mas eu duvido muito que você passe por cima de mim agora!
Joakimu e seu oponente se preparam para lutarem um contra o outro. Joakimu rapidamente se desvia do golpe que seu oponente intencionava lhe dar e em seguida, agarra-o com uma só mão.
-IIIIÁÁÁÁ!!!!-grita Joakimu, enquanto dá um golpe certeiro e rasteiro em seu oponente.
-Cara, você é maluco? Eu poderia me machucar de verdade, sabia disso?
-ORA, meu caro... Quem sai na chuva, é para se molhar, não sabia disso?
Uma série de adversários mais tarde...
-Bem, Joca! Parece-me que só sobramos você e eu, não é mesmo?
-E você acha realmente que ganhará de mim, Vívian?
-Bom, não custa nada arriscar, não é verdade?
-Pois eu já ganhei de todos até agora!
-E eu idem!
Em seguida, Joakimu planta uma bananeira, para então, agarrar a cabeça de Vívian com as pernas.
-IIIIÁÁÁÁ!!!!-Joakimu rapidamente passa Vívian para trás.
-IIIIAAAAUUUU!!!!-Vívian se surpreende.
-Muito bem... O que você tem a me dizer agora, Vívian?
-Cara... Você é realmente bom nisso, HEIN?
Joakimu logo sorri para Vívian.

Capítulo XI – Prazer, Eu Sou Miwa Kuki!
"BAR DO ZEZINHO"
-Por favor, eu quero uma limonada suíça!
Joakimu não percebe que uma dama acaba de se sentar a seu lado.
-OLÁ, bonitão!
-Venha cá... Por acaso, a gente já se conhece?
-Não, não... Eu não costumo frequentar este bar, eu vinha muito com uma amiga... Mas ela já se foi há um mês e eu vim aqui agora por puro acaso, sabe?
-Isso é sério? E o que ela tinha?
-Tuberculose... Você consegue acreditar em uma coisa como essa?
-Escute... E quantos anos ela tinha?
-Bem, eu tenho 12 anos e ela também tinha 12 anos quando se foi.
-E os pais dela, como estão?
-Eles estão péssimos, inconsolados na realidade!
-Puxa vida, eu realmente sinto muito... Mas enfim: como é que você se chama?
-Meu nome é Miwa Kuki. Sou filha de japoneses, meus pais se mudaram para cá quando minha mãe ainda estava grávida e eu então tenho dupla cidadania.
-Prazer, eu sou Joakimu 'Rateca, mas pode me chamar de Joca! Meus pais são brasileiros, mas são ambos filhos de japoneses. Os dois se conheceram em 1978, começaram a namorar em 1979 e se casaram em 1982. Como eu nasci em 1985, sou 3 anos mais velho do que você, ou seja: tenho 15 anos.
-HUM... Sabe que fui com sua cara, Joca?
-E eu idem, Miwa!
Em seguida, ambos sorriem um para o outro.

Capítulo XII – A Associação de Terroristas e o Misterioso Informante Entram em Cena!
-Pois bem, Miwa... Sabe que eu perdi o contato com a maioria de minhas antigas amigas... Por exemplo: eu tinha três colegas de escola chamadas Hislla, Juliana e Mariana, conhecidas também como Penny, Pituca e Mariii, mas elas já mudaram de escola e desde então, eu nunca mais as vi ou soube delas, entende? A Penny era uma grande fã dos Beatles e a Pituca e a Mariii eram torcedoras fervorosas do Palmeiras, eu nunca me esqueço disso. Outra de quem eu ainda me lembro muito bem era uma antiga vizinha minha, chamada Karina ou Kah, ela era a maior torcedora do Cruzeiro que eu já vi.
-E seus amigos homens, você não tem nenhum?
-Infelizmente, eu tenho péssimas lembranças dos rapazes que já estudaram ou ainda estudam comigo! Maioria nunca se prestou a me respeitar realmente e com relação à minoria, não tínhamos nada em comum realmente!
-HUM, entendo...
Enquanto isso, uma misteriosa figura observa ambos, escondida em uma moita.
-ALÔ? Sou eu, o Misterioso Informante! Pois bem: o lutador e sua suposta namorada estão bem aqui em minha frente, na praça central do Parque Municipal de Amazonópolis.
-E como é que um cara tão bacana e legal como você ainda está solteiro?
-Bem, sabe como é, né? Sou bastante receoso em levar um fora...
-Acho que você não encontrou a pessoa certa ainda!
-Bem, na verdade, já encontrei...
-É mesmo? Quem é?
-Eu dou um doce a você se puder acertar quem é na realidade!
-Deixe-me pensar... Aquela sua amiga, a Vívian, não é mesmo?
-Não, sua boba!
-Não me chame de boba, por favor!
-Certo, perdão!
-Mas então, se não é ela...
Neste exato instante, alguém vindo de trás ensaca Miwa Kuki.
-AAAAIIII, SOCORRO! NÃO ESTOU PODENDO ENXERGAR NADA!
-RÁ, RÁ, RÁ!-ri o alguém, enquanto começa a correr.
-MIWA!

Capítulo XIII – Resgatando Miwa Kuki!
-EI, VOLTE AQUI!
-É ruim, HEIN, xará?
-DEVOLVA AGORA MESMO MINHA NAMORADA!
"Ele disse... Minha namorada?"-pensa Miwa, contente.
Rapidamente, Joakimu dá uma cambalhota em direção ao vilão, golpeando-o certeiramente.
"CAPLOF!"
-Olhe aqui! Eu não tenho a mínima ideia de quem seja você ou de para quem você trabalha... Mas se mexeu com minha garota, mexeu comigo, está sabendo?
"Ele disse minha garota!"-pensa Miwa.
Em seguida, o misterioso vilão arremessa Joakimu para trás e foge.
-VOLTE AQUI E LUTE COMO UM HOMEM!
-Escute... Ele deixou cair um cartão de visita!
"ASSOCIAÇÃO DE TERRORISTAS – TERRORISMOS SÃO COM A GENTE MESMO!"
Meia-hora mais tarde...
-Bom, pessoal! Infelizmente, não consegui capturá-la...-diz o vilão fugitivo.
-Você não fez a coisa direito!-exclama o chefe.
-Calma, chefe! Ele ainda é inexperiente e novato...-diz outro membro.
-E você falava sério ao se referir a mim como sendo sua namorada?
-Sim, eu falava!
Em seguida, Miwa sorri para Joakimu.

Capítulo XIV – E os Vilões Realmente Não Desistem!
-E agora, querido? Como faremos para podermos nos livrar de vez daquele pessoal mal-encarado?
-Bem, querida... Primeiramente, temos de nos esconder desses vilões!
O que Joakimu e Miwa não notaram foi que aquele bandido colocou um microfone e um rastreador bem no pescoço de Miwa.
-Bem, pessoal! Neste momento, o lutador e sua namorada estão indo direto para o Teatro Municipal de Amazonópolis!-informa o líder da Associação de Terroristas.
-Gozado... De repente, deu-me uma coceirinha no pescoço, não sei a causa...-queixa-se Miwa.
-Pode ser uma alergia ou algo do tipo...
-OPA, ESPERE AÍ!
-O que foi, Miwa?
-Aquele vilão descarado e mal-encarado colocou um microfone e um rastreador bem em meu pescoço!
-Calminha AÊ que a gente ainda pega esses patifes!
-BOLAS, PERDEMOS O SINAL!-reclama o líder da Associação de Terroristas, inconformado e insatisfeito.
-Calma, chefe!-pedem os demais.
-ALÔ! Sou eu, o Misterioso Informante! Eles acabam de entrar no Teatro!
"TEATRO MUNICIPAL DE AMAZONÓPOLIS"
-Bem, pessoal! Gabriela e eu cantaremos uma cantiga religiosa e um cântico religioso, em parceria com o cantor Shadow!-comenta uma cantora.
-Renata, Shadow e eu cantaremos ambas as canções a pedido de um amigo nosso, o lutador Joca 'Rateca!-continua outra cantora.
-Então, vocês se preparem AÍ!-termina um cantor.
"PLAC! PLAC! PLAC!"
-A primeira se chama: "Eu Pensei que Você Fosse Bem Mais Iluminada...".-começa Renata.
-Já a segunda se chama: "Sua Amizade Realmente Me Inspirava Bastante..."-continua Gabriela.
-É um, dois e três!-termina Shadow.
♪-Kah, eu sei que não agi legal com você,♫
♪Inclusive, que fiz por merecer…♫

♪Mas não creio que sua atitude fosse necessária,♫
♪Até porque, é tão raro fazer amigos que a situação é precária!♫

♪Por favor, quero que você me desculpe,♫
♪Afinal, quem é que não erra e depois, percebe o golpe?♫

♪Eu talvez não mereça ser seu amigo,♫
♪Mas tenho boas lembranças de você comigo!♫
"PLAC! PLAC! PLAC!"
♪Kah, por favor, escute-me…♫
♪Só preciso que você me perdoe,♫
♪Pois já sei que o que fiz a você não foi interessante!♫

♪Sempre vi em você muitas qualidades,♫
♪Todas elas para mim eram verdades,♫
♪Algumas vezes, até diante de adversidades!♫

♪Se seu coração ainda for aberto para o perdão,♫
♪Garanto a você que suas virtudes não se perderão,♫
♪Abra sua alma para outro horizonte, por que não?♫
"PLAC! PLAC! PLAC!"
-Bom, e agora...-começa Shadow.
De repente, vários membros da Associação de Terroristas tentam apunhalar Miwa.
-UUUÁÁÁ!!!-Miwa boceja.
"SOC!"-os vilões acabam sendo acertados pelos braços de Miwa, enquanto bocejava.
-ALÔ? Polícia? Um grupo de baderneiros, marginais e vândalos andou tentando sequestrar minha namorada! Por favor, venham aqui o mais rápido possível, grato desde já!
Mais tarde...
-E finalmente, foram presos o Misterioso Informante e a Associação de Terroristas!-diz um repórter de TV da Rede Recorte.
"EU AINDA VOLTAREI!"-pensa o líder da Associação de Terroristas, dentro da cela.

Capítulo XV – Adeus, Miwa!
-Muito bem, Joca! Agora que eu já tenho 15 anos, decidi ir morar em Selvanópolis por 5 anos, para fazer um curso de beleza e estética, sabe?
-Mas por que você não faz por aqui mesmo?
-Por que os cursos de Selvanópolis são muito melhores do que os daqui...
-Bem, está certo! Tchau, Miwa!
-Tchau, Joca!
Os dois logo se beijam.
-Vá com Deus, Miwa!
-Grato por suas palavras, Joca!
"AI, AI! Só espero que ela ainda se lembre de vir aqui me ver de novo e claro: que ela ainda me escreva e telefone..."
"Eu não quero deixá-lo para trás, mas enfim: há escolhas na vida que são realmente necessárias e não devemos abrir mão delas mesmo!"
10 anos depois...
"Ela sumiu há 10 anos, apesar de ter dito que seriam apenas 5 anos... Sinceramente, não sei o que houve! E pensar que eu pretendia me casar com ela algum dia... Será que ela ainda voltará para me ver afinal? Se bem que ela pode já ter arrumado outro agora..."
De repente...
"TZAP!"
-OLÁ!-diz uma voz, vinda por trás.
-Mas HEIN?-indaga Joakimu, bastante surpreso.

Capítulo XVI – Uma Ajudinha Vinda do Futuro!
-OLÁ, meu amigo!-diz um senhor.
-Perdão, cavalheiro... Mas será que você e eu já nos conhecemos?
-ORA, meu honrado e nobre rapaz! Não está me reconhecendo?
-Bom, eu não sei... Selvo Sântio?
-Não, seu tapado! Eu sou você com 70 anos de idade, sabia?
-E como você veio parar em minha época?
-Tecnologia moderna, sabe?
-Bom, mas o que você veio fazer aqui?
-Vim avisar a você que o Misterioso Informante e a Associação de Terroristas já foram postos em liberdade, depois de cumprirem sua pena por tentarem sequestrar a Miwa.
-Beleza, isso quer dizer que eles se regeneraram?
-Não mesmo... Isso quer dizer que eles estão dispostos a se vingarem de você agora!
-Bem, já que você sou eu mais velho... Como é que eu faço para resolver isso? E também, eu cheguei a reencontrar a Miwa depois?
-Meu bom homem... Deixe-me lhe ensinar uma coisa bastante importante e valiosa: tem coisas que só o tempo nos diz, sabe?
-Mas então, como faço para me prevenir dos vilões?
-Utilize seu cérebro, prezado! Agora, tenho de ir até mais!
O jovem Joakimu fica perplexo e sem palavras.

Capítulo XVII – O Lutador Joca 'Rateca Conhece o Híbrido Ciber-Soldado!
-E agora? O que é que eu faço?
-Acho que posso ajudar você!-diz uma voz vinda de trás.
-Mas quem é você?
-Bom, eu sou conhecido como O Ciber-Soldado!
-E como você se chama na realidade?
-Sabe que eu não sei? É porque eu sofri um acidente durante uma batalha em campo e fiquei cego de um olho, além de ter perdido uma das pernas e ter sofrido um dano irreversível em um dos braços. Depois disso, meu superior decidiu me salvar, trocando metade de meu corpo por metal. Depois disso, minha memória foi apagada, para que eu não soubesse como foi feito o processo de restauração e desde então, não me lembro de nada sobre meu passado!
-Mas então, você não sabe de nada do que ocorreu com você na realidade?
-Bem, a única coisa que eu sei é que no mesmo dia em que eu fui recuperado, um tal de Simão "Si" Bernético foi morto.
-Caramba! Mas enfim, como você planeja me ajudar com os vilões que estão atrás de mim, Senhor Ciber-Soldado?
-Calma, meu bom homem! Espere aí que eu logo lhe explicarei sobre como procederemos!

Capítulo XVIII – Encurralando de Vez os Inimigos!
-Bom, primeiro, teremos de atravessar aquele rio e com isso, passarmos por um grupo de cobras, jacarés e onças selvagens.-explica O Ciber-Soldado, apontando para a frente.
-Pode deixar, eu já tenho bastante experiência lutando contra esses tipos de criaturas!
Em seguida, o lutador Joca 'Rateca faz uma série de manobras de caratê, nocauteando todos os bichos.
-Cara, você é realmente bom nisso, HEIN?
-Pois é... Meus antigos médicos, a pediatra Doutora Vera, a psicóloga Doutora Daniela e o psiquiatra Doutor Edson me ensinaram a me centrar em meus objetivos, compreende?
-Bem, agora, temos um largo percurso pela frente!
-Bom, fazer o que, não é mesmo?
Meia-hora mais tarde...
-Muito bem, meu rapaz! Há um hotel lá na frente e é lá que nós nos hospedaremos!
-Mas por quê?
-Atrairemos a atenção dos vilões e depois, pegar-nos-emos de surpresa, compreendeu?
-Sim, entendi!
"HOTEL BELA VISTA"
 -E o lutador Joca 'Rateca acaba de se hospedar neste hotel, dando início a suas férias.-diz uma repórter de TV da Rede Recorte.
-EXCELENTE!-diz o líder da Associação de Terroristas.
-Prontinho, agora, é só esperar!-diz O Ciber-Soldado!
-Bom, tomara que realmente dê certo, não é mesmo?
Meia-hora mais tarde...
"TOC! TOC!"
-Quem é?-indaga Joca.
-OLÁ, boa tarde, eu sou uma das camareiras do hotel!
-É um dos vilões, você pode ter total certeza disso!-cochicha O Ciber-Soldado.
-Pode deixar, daremos um jeito nele!
-Precisam de ajuda?
-Bem, nós não...-diz O Ciber-Soldado.
-Mas você sim!-exclama Joca.
-Como assim?
-Você logo verá!-exclama O Ciber-Soldado.
-AAA... FUUU!!!-sopra Joca.
-AI, meu cabelo!
-É uma peruca, eu sabia disso!-afirma O Ciber-Soldado.
-Vamos pegá-lo!
-ALÔ? Preciso de reforços, fui descoberto!-diz o vilão, através de um intercomunicador.
"CRÁS!"-todos os outros vilões surgem através das janelas e do teto do hotel.
-ESTÁ NA HORA DA PANCADARIA!-grita O Ciber-Soldado.
-Falou e disse, mano velho!
Pouco depois...
-Beleza, demos um jeito em todos eles!-orgulha-se O Ciber-Soldado.
-Não em todos... Veja que um deles está escondido entre aquelas moitas... Muito provavelmente, o Misterioso Informante!-aponta Joca para o lado de fora do hotel.
Em seguida, os dois heróis saltam pela janela.
-PARADO AÍ, NÃO TENTE FUGIR!-gritam os dois heróis.
O Misterioso Informante tenta fugir a todo custo, até que o Ciber-Soldado arremessa Joca 'Rateca em direção ao vilão.
-NÃO SE MOVA!-grita Joca.
O vilão, ao se ver completamente cercado, decide se render.
-E mais uma vez, o grande lutador Joca 'Rateca prende a Associação de Terroristas e o Misterioso Informante!-informa o repórter de TV da Rede Recorte. Desta vez, ele teve a ajuda de um misterioso novo herói, conhecido como O Híbrido Ciber-Soldado!
-Bem, prezado Ciber-Soldado... Foi um enorme prazer e uma grande satisfação trabalhar a seu lado!-exclama Joca, cumprimentando o amigo.
-Igualmente, Senhor Joca 'Rateca!
-Nós demos um baita jeito naqueles caras, não foi mesmo?
-Bom, preciso ir agora... Até mais!
Em seguida, um sorri para o outro.

Capítulo XIX – Uma Heroína e Vilã ao Mesmo Tempo?
-Diretamente do Jornal Temporal, a curiosa e misteriosa guerreira conhecida como A Sabotadora acaba de roubar cinco bancos e ao mesmo tempo, impedir o assalto a uma joalheria. Quais serão as reais intenções dessa mulher tão misteriosa?-comenta a repórter de TV da Rede Recorte.
"A SABOTADORA? HUM, acho que já ouvi falar nela antes! Pelo tipo, ela nunca foi pega pela Polícia até hoje... Qual será a dela afinal?"
-E a Polícia já está atrás dessa mulher há 6 meses, mas ela sempre escapa, de um jeito ou de outro!
"Preciso dar um jeito de conversar com essa mulher... Mas como é que eu faço agora? AH, já sei! Só preciso conversar com minha amiga Vívian..."
-Como é que é? Você quer que eu finja que estou tentando roubar um carregamento de ouro, só para pegar essa tal de A Sabotadora?
-Sim, Vívian! Mas pode deixar, eu já falei com a Polícia que o roubo será falso!
-Bom, está bem, eu aceito!
-Notícia urgente: uma moça que se identifica como Vívian acaba de deter um grupo de guardas e com isso, roubar uma enorme quantidade de ouro!-diz o repórter de TV da Rede Recorte.
"Concorrência? AH, não, eu não posso mesmo permitir isso!"-pensa A Sabotadora, indignada e revoltada.

Capítulo XX – A Verdadeira Identidade d'A Sabotadora!
-E aquela tal de Vívian acaba de escapar com o carregamento de ouro roubado!-continua o repórter.
"Nossa, mas cadê essa mulher?"-pensa Vívian, já cansada.
-IIIIÁÁÁÁ!!!!-grita A Sabotadora, enquanto salta em direção a Vívian.
Em seguida, Joca, escondido atrás de uma parede, estica a perna e faz A Sabotadora tropeçar.
-IIIIAAAAUUUU!!!!
-Muito bem, veremos quem é você na realidade!
-AAAAIIIII...
-Júlia Takira?-Joca se surpreende.
-Mas quem é ela, Joca?-indaga Vívian.
-A pior aluna do curso de caratê que a academia já teve! Como ela nunca derrotou ninguém, acabou sendo expulsa!
-E como é que eu nunca a vi antes?
-Você fez um intercâmbio para a República de Charleston por um ano, esqueceu-se?
-AH, sim, claro, é verdade!
-Por favor, Joca... Não me entregue à Polícia, é só o que lhe peço, beleza?
-Bem, iremos com calma e por partes: que história é essa de você ser heroína e vilã ao mesmo tempo?
-Bem, é tudo uma questão de sobrevivência, é a lei do mais forte, entende?
-Isso é algo realmente bastante estranho... Mas enfim! Faremos então o seguinte: você some daqui de Amazonópolis, nunca mais aparece por aqui e eu não a entrego à Polícia, está bem assim?
-Tudo bem... Mas para onde eu irei afinal?
-Tome esta quantia em dinheiro e vá para Timorópolis!-replica Joca, entregando a ela uma sacola bem pesada.
-Certo, grata!
-Quem agradece por aqui sou eu, está certo?
-Joca, mas venha cá: você deixará essa mulher escapar assim, do nada e sem mais nem menos?
-Sabe, Vívian... Por mais estranho e incrível que possa parecer, eu realmente fiquei com muita pena dela, sabe?
-Um verdadeiro herói nunca deve ter pena de ninguém... Aprenda isso, meu camarada!-diz uma voz vinda de trás.
-Quem é você?-indaga Joca, bastante curioso e surpreso.
-Bem, veremos se você é bom em adivinhações!
-Bom, iremos lá então: aposto como você é o Augusto Oliveira ou Jou Ventania, criação de Linc Nery, estou certo?
-Errado... Tente novamente!
-Bom, o Bat-Mouse, também de Linc Nery é que não é! Você só pode ser então o Veredicto, criação de Edu Manzano!
-Não, seu coió! Meu nome é Blenq, sou criação de Rod Gonzalez!
-Está certo... E como você se chama na realidade?
-Isso é segredo!
-Sua real ocupação?
-Isso também é segredo!
-Mas então, o que eu posso saber sobre você?
-Bem, quanto menos você souber de mim, melhor, sabe?
-HUM!
-Só acho que você deveria ter entregado essa mulher à Polícia, apenas isso!
-Mas a Júlia, vulgo A Sabotadora sempre teve vergonha de ter sido s pior aluna do curso de caratê... E além do mais, ela prometeu nunca mais aparecer!
-Bom, você é quem sabe... Até mais, Senhor Joca 'Rateca!
-Até mais para você também, Senhor Jou Ventania!
-O nome é Blenq... Nunca se esqueça disso, meu jovem!
Em seguida, o Blenq some.
-O que foi, Joca? Que cara é esta afinal?-indaga Vívian, curiosa, preocupada e surpresa.
-Eu... Não sei! Talvez, o Veredicto estivesse certo, sabe, Vívian? Mas também, agora, já era!
-O nome dele é Blenq, Joca!
-Ou isso!
-AI, AI!           

Capítulo XXI – Por Onde Anda, Miwa Kuki?
-Sabe, Vívian... Eu ainda sinto bastante saudade da Miwa, é sério!
-Mas por que você não pode arrumar uma nova namorada?
-Você não entendeu? Ela é especial, singular e única, você não sabia disso?
-Pois para mim, ela é apenas uma garota como qualquer outra... Ela não é nenhuma Vanessa Aspargo, Luzia Possi, Luciana Melón, Maria Ruth ou Paola Fernanda, por exemplo.
-E você acha realmente que eu estou preocupado com esse negócio de fama e fortuna, Vívian? Tudo isso não serve para nada, a não ser, é claro, para dar dor-de-cabeça ao indivíduo!
-Mas você poderia sair na mídia se tivesse uma namorada famosa, sabia?
-Eu não quero uma garota como a Vanessa, a Luzia, a Luciana, a Maria ou a Paola, eu só quero minha Miwa!
-Primeiro que ela não pertence a ninguém, ela é autônoma! Segundo que ela já sumiu e pronto!
-Pois é, mas você sabe que eu me encontrei com minha versão de 70 anos... Meu eu mais velho deixou em aberto a possibilidade de a Miwa e eu voltarmos a nos ver de novo, sabia?
-Bom, mas isso é ainda incerto...
-Enquanto isso, em Selvanópolis...
"AI, AI! Como eu sinto falta dele agora! Mas ele e eu nos mudamos e eu não consegui mais encontrá-lo... Pode até ser que ele já tenha achado outra... Afinal, já se passaram 10 anos, então..."-pensa Miwa.

Capítulo XXII – Muito Cuidado com o Urso Selvagem!
-Notícia de última hora: um urso extremamente selvagem acaba de fugir do Zoológico Municipal de Amazonópolis!-informa o repórter de TV da Rede Recorte.
-Eu pegarei esse urso fugitivo!-afirma Joca, com a mão no peito.
-AH, sei... E como é que você pensa em fazer isso na realidade?-indaga Vívian.
-ORA, pois! Eu já peguei um urso desses uma vez e nada me impedirá de pegá-lo outra vez, está sabendo?
-Bem, se você diz...
-O urso foi visto andando em direção à casa do Senhor Prefeito!-continua o repórter.
"VRRRUUUMMM!!!"-Joca sai de carro em direção à casa do Prefeito.
-Escute, Joca... Você tem mesmo certeza de que é capaz de pegar esse urso selvagem?
-Bom, mas é claro que sim, prezada Vívian! Lá está a casa do Senhor Prefeito, espere só para ver como é que eu o recapturo!
Vívian nada diz.
"FUNC! FUNC!"-cheira o urso.
-AH, lá está ele!-cochicha Joca, atrás da moita.
Em seguida, Joca salta em direção ao urso.
-IIIIÁÁÁÁÁ!!!!
-GROF?-responde o urso.
"CATAPLOF!"-Joca logo nocauteia o urso.
-E a galera delira com a vitória do campeão!
"É melhor eu nem dizer nada..."-pensa Vívian.
-E o lutador Joca 'Rateca acaba de pegar o urso de jeito, minha gente!-exclama o repórter.
-Este sim, é nosso garoto!-exclamam o Senhor e Senhora 'Rateca, orgulhosos, olhando para a TV.

Capítulo XXXIII – A Grande Viagem de Joca 'Rateca e Vívian...
-Bem, Vívian! Acabo de comprar duas passagens para San José, na Costa Rica. Inicialmente, eu planejei ir com um colega, só que ele acabou adoecendo. Você aceita ir comigo?
-Por que você não comprou passagens para um lugar aqui no Brasil mesmo? Assim como a cidade do Rio de Janeiro, Curitiba, Osasco ou Cachoeiro de Itapemirim, por exemplo.
-Eu sempre quis conhecer os países da América Central. Eu pensei em começar por San Juan, em Porto Rico, mas sabe como é: as passagens já estavam esgotadas...
-Tudo bem, vá, eu irei com você!
-Beleza, tenho total certeza de que você adorará a viagem!
"AEROPORTO NAS ALTURAS"
-E atenção, senhores passageiros! Mantenham os cintos afivelados e não fumem!-diz a comissária de bordo.
-Ainda bem que eu não fumo...-diz Joca.
-Graças a Deus, o cigarro é uma praga tão grande e grotesca que nunca deveria ter sido criada!
Algumas horas mais tarde...
-Muito bem, senhores passageiros! Dentro de poucos minutos, estaremos pousando em San José, Costa Rica!
-AH, finalmente!-exclama Joca.
-Para que a pressa afinal?-indaga Vívian.
"BIENVENIDOS A COSTA RICA"-diz uma placa.
"HOTEL MAR VIVO"
-Bem, Vívian! O que acha de irmos à praia agora?
-Mas a gente mal chegou! Por que a gente não aproveita para dar um passeio pela região?
-Você me lembra duas velhas conhecidas, Lane e Telma, a última também conhecida como Nirteka. Elas também eram tão empolgadas quanto você!
"GUÍA TURÍSTICO. SOLAMENTE CRC$50,00."
-50 colónes costa-riquenhos? Nossa, mas que caro, HEIN?-questiona Vívian.
-Bom, os guias turísticos brasileiros também cobram bastante caro...
-É, mas não tanto, NÉ?
-Bom, paciência!
Dias depois...
-Mulher, será que nosso filho está se divertindo lá na Costa Rica?
-Bom, homem, só espero que sim...
"DIM! DOM!"
-Quem era, homem?
-O carteiro, mulher e veja só: aqui está um postal de nosso filho, com uma foto que ele tirou com a amiga dela por lá.
"PREZADOS PAI E MÃE, VENHO POR MEIO DESTA DIZER QUE A VÍVIAN E EU ESTAMOS NOS DIVERTINDO BASTANTE! UM ABRAÇO E ATÉ MAIS ENTÃO, JOAKIMU "JOCA" 'RATECA."

Capítulo XXIV – A Dupla Renata e Gabriela e o Cantor Shadow São Sequestrados!
"FOLHETIM AMAZONOPOLENSE – AMAZONÓPOLIS, 14 DE JANEIRO DE 2013. DUAS JOVENS CONHECIDAS COMO JULLY E MAR PRENDERAM UM GRUPO DE BANDIDOS QUE TENTOU ASSALTÁ-LAS. JULIANA E MÁRCIA REAGIRAM A UM ASSALTO E FORAM CAPAZES DE PEGAR UMA QUADRILHA DE BANDIDOS."
-Mas esse jornal só fala de baixaria, desonestidade e violência, que coisa, não?-diz Joca.
-Bem, assim é a vida real...-afirma Vívian.
-Notícia quentíssima: a dupla musical Renata e Gabriela e o cantor Shadow farão uma nova apresentação em conjunto, com músicas 100 % inéditas!-informa a repórter de TV da Rede Recorte.
-AH, essa sim, é uma notícia realmente bastante interessante!-afirma Joca.
-O espetáculo será hoje à noite, na Praça do Arcebispo.
"AH, MARAVILHA!"-pensa alguém.
-O que você acha de irmos a essa apresentação, HEIN, Vívian?
-AH, eu não sei... Tenho de ir visitar minha mãe, sabe?
-Tudo bem então, irei sozinho!
-Está certo, eu irei com você!
"CLIC!"-Joca desliga a TV.
Mais tarde...
-OLÁ, pessoal! A dupla Renata e Gabriela e eu estamos aqui para divertirmos vocês todos!-diz o cantor Shadow.
"PLAC! PLAC! PLAC!"
-E nossa primeira música será...-começa Shadow.
-MUITO BEM, TODO MUNDO AÊ, PODE FICAR PARADO!-grita alguém.
-IIIIAAAAAUUUU!!!!-grita o público.
-Vocês três virão conosco, estão sabendo?-diz um dos vilões, ao apontar uma arma para os três músicos.
-A Associação de Terroristas! Sem dúvidas, o Misterioso Informante e eles devem ter escapado da cadeia!-deduz Joca.
"VRRRUUUMMM!!!"-os vilões fogem levando os músicos consigo.
-ATRÁS DELES, VÍVIAN!
-Bem, fazer o que, não é verdade?

Capítulo XXV – Resgatando o Trio de Cantores!
-O que me deixa bastante intrigado é: como será que esse pessoal escapou da cadeia agora?-indaga Joca, enquanto dirige seu carro.
-E você acha que eles não calcularam friamente essa fuga?-indaga Vívian.
-Muito bem, rapazes! Agora que sequestramos esses peixes, poderemos exigir um altíssimo e grandiosíssimo resgaste pelos três!-diz o líder da Associação de Terroristas.
-Beleza, chefe! E se aquele lutador vier atrás deles, a gente acaba com ele de vez mesmo!-replica um dos homens.
-Mas então, Vívian... Por esses rastros de pneus, podemos achar o esconderijo desses vilões!
-Você assume cada risco, não é mesmo, Joca?
-MMMFFF!!!-Renata, Gabriela e Shadow tentam se comunicar.
-Não adianta resistirem, seus tolos! Daqui, vocês não escapam e nem fogem, estão sabendo?-explica o chefe, sorrindo.
"CRRRRIIIINCHHHH!!!!"-Joca logo estaciona o carro.
-Pois bem, Vívian: como eles não conhecem você, bata na porta e procure distraí-los! Em seguida, eu entrarei de surpresa, está certo?
-Combinado, Joca, iremos lá então!
-E depois, nós...-continua o chefe.
"TOC! TOC!"
-AI, AI! Quem será?-indaga o chefe, emburrado.
-OLÁ, vim até aqui divulgar um novo curso de mandarim, dado por uma nova escola de idiomas local, será que você se interessa?
-Não, não, fora!-o líder reclama com grosseria.
"SOC!"-Vívian dá um murro no rosto dele, que acaba desmaiando.
-Beleza, Vívian!-cochicha Joca, do lado de fora.
-MUITO BEM, TODOS VOCÊS, PARADOS AÍ! PODEM SOLTAR AGORA MESMO O TRIO DE CANTORES, ESTÃO SABENDO?
Neste momento, alguém joga uma corda.
-RÁPIDO GALERA, TEMOS DE FUGIR!-fala um dos membros.
Em seguida, todos fogem.
"FLAP! FLAP! FLAP!"-o helicóptero pilotado pelo Misterioso Informante começa a levantar voo.
-NÃO ACREDITO, ELES FUGIRAM!
-Calma, Joca! Pelo menos, já poderemos libertar os cantores, não é verdade?
-E muito embora o lutador Joca 'Rateca já tenha deixado os vilões escaparem, a dupla musical Renata e Gabriela e o cantor Shadow já estão sãos e salvos!-explica a repórter de TV da Rede Recorte. O espetáculo deles foi remarcado para daqui a 2 dias, sem falta!
-Joca, não fique deprimido desse jeito! Você ainda pegará de vez esses vilões!
-Sim, Vívian... Mas até lá, eles continuarão a agir covardemente e impunemente, você entende?

Capítulo XXVI – Miwa Kuki Encontra A Sabotadora!
-E duas mulheres conhecidas também como Borboleta e Marily acabam de sobreviver a uma enchente, lá no Bairro de Santa Ceia. As amigas Maria Anselma e Marileuza explicam como fizeram para resistirem.
"CLIC!"-Joca desliga a TV.
-Caramba, Joca, mas por que toda essa frieza e insensibilidade?-indaga Vívian.
-AH, não sei, Vívian... A TV não tem exibido nada de muito construtivo e instrutivo atualmente, você entende?
-Mas essas duas mulheres foram bem corajosas e firmes, sabia?
Enquanto isso, em Selvanópolis...
-Será que eu ainda o verei novamente?-indaga Miwa para um espelho.
-OLÁ, Miwa!-diz uma voz, vinda de trás.
-IIIIAAAAUUUU!!!!
-EI, acalme-se, eu não mordo, sabia disso?
-Q-quem é você, o que quer por aqui e como sabe meu nome?
-Você pode me chamar de A Sabotadora! Eu fui colega do curso de caratê de seu amigo, o lutador Joca 'Rateca.
-AH, bom... E ele está bem?
-Olhe só: posso até lhe dizer que sim, sabe?
-E como faço para ter novas notícias dele?
-Escute bem aqui, Miwa: eu não compro, não vendo, não troco, não alugo e não dou segredos, está sabendo?
-Mas eu preciso muito revê-lo, por favor!
-Bem, se eu lhe disser cadê ele, você promete não me fazer afirmações, exclamações e perguntas demais depois?
-Sim, claro!
-Bom, mas você sabe que eu não pretendo dizer a você cadê ele, não é mesmo?
-Mas por que não?
-Primeiro porque eu sou uma ninja experiente e profissional, segundo porque eu não sou alguém nem um pouco amigável!
-EI, espere um momento! Você é aquela moça que anda saindo nos noticiários?
-Sim, eu mesma!
-Eu chamarei a Polícia, agora mesmo!
-EI, calminha AÊ! Façamos um trato: eu lhe digo cadê ele e em troca, você não me denuncia, está bem assim?
-Tudo bem, eu concordo, diga-me então cadê ele!
-O atual endereço dele está neste papel aqui...
-E como saberei se isso não é algum truque?
-Queridinha, veja bem: ou você confia em mim ou você não confia em mim... Simples assim, você entendeu?
-HUNF, está bem!
-Bem, preciso ir... Até nunca mais, Miwa!
-Eu pego você se for mentira, viu só, Srtª. A Sabotadora?
-Experimente fazê-lo se for capaz mesmo!

Capítulo XXVII – Miwa Kuki É Capturada e Torturada!
-Sabe, Vívian... Eu aprendi a aceitar bem as perdas que a vida me deixou... Eu nunca mais vi a Penny, a Pituca, a Mariii e a Kah, mas isso só me deu ainda forças para seguir em frente, compreende?
-Mas você ainda não superou perder a Miwa!
-É porque eu realmente nunca vi ninguém igual a ela até hoje, simples assim, será que você não percebe?
-Sim, eu sei que você pretendia se casar com ela e tudo... Mas será que não existe outra garota para você?
-Bem, se você está se referindo à Júlia, saiba que eu nunca me interessei por ela... Menos ainda por ela jogar dos dois lados da moeda, sabia disso?
-Alguém falou meu nome por aqui agora?-indaga A Sabotadora, do lado de fora e de ponta-cabeça com uma corda.
-JÚLIA! Mas você por aqui?-exclama Joca, bastante admirado e perplexo.
-Por favor, chame-me de A Sabotadora, está bem assim?
-O que você quer por aqui, A Sabotadora?-indaga Vívian.
-Tenho uma péssima notícia para dar ao Joca!
-Olhe aqui: se isso aqui for mais uma de suas pegadinhas, você pode ter certeza de que eu...-começa Joca.
-EI, garotão, espere AÊ, vá com calma!
-Muito bem então: o que você tem a me dizer agora afinal?
-Sua amada, Miwa Kuki acaba de ser sequestrada pela Associação de Terroristas e pelo Misterioso Informante...
-Como você sabe disso mesmo?-indaga Joca.
-E pode até nem ser verdade!-comenta Vívian.
-Vejam bem: eu posso até ter dupla faceta, mas eu não cometo enganos e invenções, estão sabendo?
-O que você acha, Vívian? Acreditamos nela ou não?
-Bom, e a gente por acaso tem escolha?
Enquanto isso...
-MMMFFF!!!
-Não adianta, boneca! Seu amado não virá mais salvá-la, conforme-se!-ironiza o líder da Associação de Terroristas.
-Agora, iremos colocar para você escutar uma série de músicas da cantora Néli Nei, só mesmo para começarmos a tortura!-notifica o Misterioso Informante.
"IAU, SOCORRO!"-pensa Miwa.
-Como fazemos para achá-la?-indaga Joca.
-Sim, diga logo!-insiste Vívian.
-HUM... E o que eu ganho com isso?-indaga Júlia.

Capítulo XXVIII – Miwa Kuki Some de Novo!
-Sentimos muito mesmo, Júlia, mas a gente não negocia com gente de duplo caráter ou dupla índole e não abrimos concessões ou exceções, entende?-explica Joca.
-Além do mais, você prometeu sumir daqui de vez mesmo!-lembra-se Vívian.
-Esqueceram-se de que eu tenho dupla faceta?-ri Júlia.
-Olhe bem, Júlia: já paguei a você para que você suma de vez de minha vida, o que mais você quer ou precisa que eu faça afinal?
-Se você me der um beijo na boca, um daqueles beijos bem quentes mesmo, eu digo a você como você faz para achá-la!
-Mas eu nunca trairia ou trairei a Miwa, sabia?
-Só que vocês 2 já não namoram mais!
-O namoro nunca foi oficialmente encerrado, mas isso não quer dizer nada na realidade, ela apenas se mudou e não voltou mais, está sabendo?
-Bem, ou é um beijo ou pode esquecer minha ajuda, meu caro e estimado Joca!
-Bom, está bem! Mas prometa não contar sobre isso a ninguém, está certo?
-E quem me fará prometer isso?
-Bem, este CD já acabou! Agora, porei outro CD no lugar!-exclama o líder da Associação de Terroristas.
"NÃO, JÁ CHEGA!"-pensa Miwa, toda agitada e aflita.
-O que você acha que eu faço, Vívian?
-Faça o que ela quer, ORAS!
-Você bebeu, é?
-É o único jeito...
-Bom, está bem!
-Eu sabia que você cederia, meu amor!
-Não me chame assim, por favor!
-E você por acaso agora manda em mim?
-Olhe só, moço... Acho que você não deve nada a essa mulher... Por que então você não procura resolver seus problemas sozinho mesmo?-indaga uma voz, vinda da janela.
-Quem é você, Ô, garota?-indaga Joca.
-Bom, meu nome é Mariazinha, eu fui criada por Claudia Gomes e Fábio Turbay!
-E quais são seus superpoderes?
-Superpoderes... Parece que o público de hoje em dia só se interessa por heróis com superpoderes e tecnologia avançada, não é mesmo?
-Você está me dizendo que é normal?
-OXE, seu moço! Saiba que ninguém neste planeta é normal mesmo, todos nós temos alguma limitação ou complexo, você não sabia disso?
"AH, já estou quase alcançando a ponta da corda e então, eu finalmente sairei daqui!"-pensa Miwa.
-Mas então, o que você sabe fazer afinal?
-Muita coisa... Eu adoro escrever e ler poesias, por exemplo!
-E você já tem quantos livros publicados?
-3 livros.
-Escutem... Será que vocês podem parar com toda essa conversa furada para podermos acabar de vez com a negociação?-briga Júlia.
-EI, chefe, que revistinhas são essas aí?-indaga um dos membros da Associação de Terroristas.
-AH, são só uns quadrinhos sem-graça! Um é sobre um pistoleiro que se chama Saggio Pistole, outro é sobre um casal chamado Joan & Joan e outro é sobre uma dupla de sapecas de nomes A Guria Nina e O Rato Zoca!
E enquanto os 2 conversam, Miwa consegue escapar e sair pela janela.
-Mas então, seu moço...
-Joca 'Rateca, por favor!
-Pois bem, Senhor Joca 'Rateca... Por acaso, essa tal de Júlia Takira lhe traz boas lembranças?
-Meu nome é A Sabotadora, por gentileza!
-Não, nenhuma mesmo, só para ser sincero!
-Sendo assim, por que você deve dar um beijo nela?
-É o único jeito de acharmos os vilões!-diz Vívian.
-Pois eu sei cadê eles e não exijo nada em troca!
-Sabe como?-indagam Joca e Vívian.
-Eu sei de muitas coisas e pessoas... Acreditem em mim: sou um verdadeiro prodígio!
-Beleza, e como a gente acha a Miwa?-indaga Joca.
-É, vá falando AÊ, por favor!-pede Vívian.
-Venham comigo!
-EI, mas e eu?-indaga Júlia.
-Já chamamos a Polícia, Júlia!-afirma Joca.
-EI, mas vocês prometeram não fazer isso!
-E você por acaso cumpre alguma de suas promessas?-indaga Vívian, sorrindo.
-Olhem aqui: isso não fica assim mesmo, eu ainda me vingarei e...
"UUUÓÓÓ!!!"
-AH, não, tenho de escapar e...
"BLAM!"-a Polícia arromba a porta.
-OH, NÃO!-grita Júlia, desesperada.
-OH, SIM!-grita Vívian.
-ATÉ MAIS, JÚLIA!-despede-se Joca.
Mais tarde...
-IMBECIS! COMO A DEIXARAM FUGIR ASSIM?
-AH, chefe, ela foi muito mais esperta e rápida, sabe?-replica um dos homens.
-Muito bem... CADÊ MINHA NAMORADA?-exige Joca, furioso.
-ELA ESCAPOU, SEU BESTÃO!-explica o líder.
-E nós também já estamos escapando!-comenta um dos homens, segurando uma corda.
No entanto...
-UUUÓÓÓ!!!
-AH, NÃO, POLÍCIA!-gritam todos, bem aflitos e desesperados.
-E finalmente, a famosa Associação de Terroristas e o emblemático Misterioso Informante foram todos mandados para a Cadeia de Segurança Máxima João Pinote!-explica o repórter de TV da Rede Recorte. Infelizmente, a bela e meiga Miwa Kuki despareceu, deixando o lutador Joca 'Rateca a ver navios...
"CLIC!"-Joca desliga a TV.

Capítulo XXIX – Sonhando com o Futuro...
-AI, AI! Sabe, Vívian... Uma vez, eu fiz sexo com uma tal de Márcia a Prostituta, em troca de ela me ajudar a encontrar a Miwa! Ela na verdade veio de uma realidade alternativa e eu a vi uma única vez apenas, sabe?
-Mas como é que você trai sua namorada desse jeito, Joca?
-AH, sabe que eu nem sei mais? Mas ela me falou que no mundo dela, há uma dupla musical muito interessante, de nome Geisha e Mangetsu. Essa dupla toca músicas que falam da cultura japonesa. Ela também me falou sobre três garotas que tem necessidades especiais: a depressiva Abigail, a bipolar Melissa e a tímida Florinda... Imagine que essas três rivalizavam bastante com duas garotas chamadas Caterine e Andréia, mas no final...
-RONC!
-Vívian? EI, Vívian, acorde, por favor!
-Escute, Joca... Não é por nada mesmo, mas será que você não possui nada realmente interessante para me contar?
-AH, sim: imagine que ontem à noite, eu sonhei que a Miwa e eu nos vimos de novo e acabamos por nos casarmos... Ela e eu constituímos família e fomos bastante felizes juntos, sabe?
-Bem, você sabe que as chances de você revê-la atualmente já são quase nulas, certo?
-Bom, mas o que custa sonhar?
-AI, AI!
-Pois é, mulher! Nosso filho ainda anda fixado e obcecado por aquela garota, Miwa Kuki...
-Mas o que nós podemos fazer a respeito, não é mesmo, homem?
-E você, Vívian? Por que não arruma logo de vez um namorado?
-Sinceramente, meu amigo? Tenho uma série de prioridades nessa vida e acredite: uma delas não é arrumar um homem afinal...
-Mas a Bíblia Sagrada ou Evangelho fala a respeito do acasalamento, você não sabia disso, Vívian?
-Claro que eu sei, NÉ? Mas eu também não sou nenhuma tarada mesmo!
-O que você quer dizer com isso afinal?
-Nada não, esqueça, vá, por favor!
-AH, não, caramba! Agora, eu fiquei bastante curioso e intrigado!
"SHOPPING MAR DAS COMPRAS"
"AI, AI! E eu ando por tudo quanto é canto aflita, sem saber se ele arrumou ou não outra garota em meu lugar... Mas enfim: o que tiver de ser, será e pronto! Não tem como eu mudar isso e mesmo que tivesse, eu não sei se realmente valeria a pena querer modificar o destino... Que ele seja bastante feliz com a outra, se é que ele a tem!"-pensa Miwa.

Capítulo Final – A Derrota Se Faz Necessária, Mesmo que Ela Não Seja Realmente Eficiente!
-Pois é, Vívian... Eu tinha altíssimas e fortíssimas expectativas em rever a Miwa... Mas pelo tipo, isso não mais ocorrerá, compreende?
-Mas como é que você faz para poder prever uma coisa dessas, Joca?
-AH, não sei... Acho que isso tem algo a ver com intuição, sabe?
-Mas você ainda tem a mim, que sou sua amiga... Isso não conta ou vale como sendo algo?
-Bem, pode até ser... Mas repare que amanhã mesmo, por exemplo, eu completarei 28 anos e não tenho minha garota por perto para comemorar... Enquanto ela, por sua vez, estará fazendo 25 anos!
-Olhe só, Joca... Eu realmente sinto muito mesmo por isso, de verdade, mas eu posso fazer o que para poder acalmá-lo e consolá-lo?
-A bem da verdade verdadeira, acho que nada...
-Por que você não vai até a Igreja A Palavra É a Salvação e ora e reza por ela um pouquinho?
-Primeiro porque essa igreja é protestante e eu sou católico e segundo porque não se fala muito bem do dono dessa igreja, sabe?
-Mas então, procure uma igreja católica...
-É, pensarei sobre isso!
-Pois é, mulher! Daqui a apenas algumas poucas horas, nosso filho fará anos e ele mais uma vez estará sem a companhia de sua amada!
-Verdade, homem... Eu até entendo, mas o que nós podemos fazer a respeito?
-Acho que nada na realidade...
-Pois então!
Dia seguinte...
-Mas veja pelo lado bom, Joca: pelo menos, você pode recuperar o contato com a Hislla, a Juliana, a Mariana e a Karina...
-Sim, é verdade... Mas eu quero minha Miwa!
Algumas décadas mais tarde...
-AI, AI! Hoje é dia 08 de Abril de 2055 e já se faz um mês desde que perdi minha amiga Miwa, vítima de um aneurisma cerebral! Eu tenho meus filhos, netos e bisnetos e não tenho mais minha doce e amada Miwa! Coisas da vida, não é mesmo?
FIM.
"UM FILME DE JOEL COMAR"
-Sabe, Senhor Comar... Para um cineasta que vive fazendo péssimos filmes, até que você soube se superar agora!-diz o desenhista Sávio Christi.
-Muita bondade e gentileza de sua parte, Senhor Christi!
-Se o filme fosse meu, eu o dedicaria especialmente a 3 amigas minhas por ainda acreditarem em minha amizade: Marihá Castro e Andreia Falqueto, organizadoras dos eventos de animês Nippop e Anime Fest e H-Sama, cosmaker que trabalha profissionalmente em eventos de animês. Mas enfim: o filme é seu e pronto, não é verdade?
-Suas amigas ficariam bastante orgulhosas!
FIM.

O lutador Joca 'Rateca é um herói em estilo mangá, ele luta o tempo inteiro contra os mais diversos adversários, criaturas e vilões, enquanto procura ser o maior, melhor e mais completo lutador de caratê de todo o mundo. Ele é a grande estrela do pseudo-mangá "Joca 'Rateca o Lutador" e eu decidi fazer um livro sobre ele. No começo, eu cheguei a desistir da ideia, porque ela era bastante complexa. Mas depois, com o tempo, eu percebi que o melhor meio de se fazer o livro era começar a contá-lo do zero mesmo, ou seja: a trama começa desde antes de ele nascer, com seu pai ainda sendo solteiro. A história se situa no passado, presente e futuro, com especial destaque para o encontro entre o jovem lutador e sua versão idosa. Diferentemente da maioria dos pseudo-mangás, "Joca 'Rateca o Lutador" não fala sobre nenhum herói que possua superpoderes ou tecnologia avançada e sim de um herói bem mais humano e próximo da realidade. De modo que eu tenho o esforço, a insistência, o mérito e a virtude de ter feito um trabalho que não deverá ser descrito como plágio de outro. O traço usado nas histórias da personagem é inspirado pelos traços de um antigo animê, o qual eu costumava acompanhar há muitos anos. Infelizmente, ele já não é mais exibido por nenhuma emissora, mas são coisas da vida... Pois tudo o que vai, depois, passa!

Bônus II – Referências a Antigos Amigos e Colegas Meus...
Eu criei as personagens Renata e Gabriela e Shadow para os quadrinhos do lutador, baseando-me em usuários do site do Yahoo! Respostas. Site este que é uma enganação, pois permite que os usuários pratiquem clonagem e throllagem sem a equipe possuir qualquer contato conosco! Outras personagens baseadas em usuárias ou ex-usuárias do site em questão incluem o trio Hislla, Juliana e Mariana, a Karina e as duplas Juliana e Márcia, Lane e Telma e Maria Anselma e Marileuza (se bem que a Márcia na realidade não é usuária e nem ex-usuária deste site, ela apenas já sabe como ele funciona e nas palavras dela própria, não é preciso ser usuária para entender um site tão simples e bagunçado). O Yahoo! Respostas, assim como muitos outros serviços do Yahoo!, é uma completa de uma enganação! Mais exemplos incluem o Yahoo! Cadê? cujo sistema de busca distorce as pesquisas e usa um péssimo Corretor Ortográfico e o Yahoo! Encontros, que nos cobra o olho da cara só para não nos enviar bons perfis. Mas a primeira personagem da série criada a partir de uma internauta foi a própria Miwa Kuki, que tem seu nome em homenagem a uma usuária dos Grupos do Google, que se chama Miwa mesmo. Gostei tanto do nome e de seu significado que logo decidi colocá-lo em minha personagem. Já quanto ao sobrenome da mesma, Kuki foi tirado de um site de significado de nomes no idioma japonês. Era para ser Kiku, mas como esse nome seria capaz de render um trocadilho ofensivo e preconceituoso, achei por bem inverter a ordem das sílabas. Já os médicos Doutora Vera, Doutora Daniela e Doutor Edson são todos baseados em grandes e ótimos médicos que conheço na vida real. Infelizmente, por razões de maiores finanças, eu já não mais frequento os consultórios de Doutora Vera e Doutora Daniela, mas eu ainda tenho feito o possível para não perder o contato com nenhuma delas. Com relação a Doutor Edson, eu ainda frequento periodicamente o consultório dele e vimos nos falando normalmente, dentro do necessário, possível e suficiente, ainda bem. Já A Sabotadora se chama Júlia por 3 ex-colegas minhas de escola e uma animeira de nome Júlia. E finalmente, bem ao final do livro, resolvi prestar uma bela, justa e merecida homenagem a três grandes e ótimas amigas minhas de eventos de animês, as quais me procuraram em público para serem minhas amigas sem maiores interesses e pretensões. Excetuando as garotas cosplayers ou fotógrafas e aquelas que me acharam no Orkut e Facebook, essas três realmente são as únicas que se aproximaram de mim normalmente, sem precisar de alguém me apresentar a elas e até hoje, ainda sou eternamente e extremamente grato a elas por isso. Tal atitude ou gesto não me é esquecido.

Bônus III – Aparições e Menções a Personagens de Outros Autores...
Conversa vai e conversa vem, consegui por escrito as permissões de meus amigos Claudia Gomes e Fábio Turbay (criadores da poetisa Mariazinha) e Rod Gonzalez (criador do super-herói Blenq) para utilizar suas criações em minhas histórias. Eu já cheguei a utilizar a Mariazinha em alguns de meus quadrinhos, mas ainda não utilizei o Blenq, mesmo já tendo alguns planos de como introduzi-lo em minhas histórias. Infelizmente, meus amigos Linc Nery (criador do Jou Ventania e Bat-Mouse) e Edu Manzano (criador do Veredicto) realmente não me deram nenhum tipo de retorno quando eu os sondei para saber se posso ou não utilizar suas criações em algumas de minhas histórias. Por isso, neste livro, eles apenas são citados. Eu já havia antes mencionado o Jou Ventania e Bat-Mouse em uma de minhas histórias, a qual também cita o Blenq e na qual aparece a poetisa Mariazinha. Só espero que o Linc e o Edu não se incomodem realmente de eu ter me referido a suas criações em meu livro, mas também, qualquer coisa, posso alegar que eles não apareceram realmente, apenas foram citados e nada mais do que isso. De qualquer maneira, se um deles não apreciar nem um pouco minha atitude, poderemos resolver isso de algum modo em um futuro bem próximo. Por enquanto, prefiro mesmo deixar as coisas rolarem do jeito que for possível. Eu depois ainda falarei melhor com eles sobre isso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário